sexta-feira, 19 de maio de 2017

TAINHAS DO NORTE

Tainhas escaladas (secas) vendidas no cais de desembarque ao lado do "Ver-o-Peso", o tradicional mercado de Belém, no Pará. Dentro do "Ver-o-Peso", nos boxes, a tainha fresca estava sendo vendida a 6 reais o quilo no final de junho do ano passado. Lá, como aqui no Mercado Público de Florianópolis, a procedência do peixe também é informada com destaque. No caso destas tainhas, elas tinham vindo do município de São Caetano de Odivelas, que é banhado pelo oceano Atlântico e por diversos rios. As fotos e as informações, exclusivas para o "Tainha na Rede", são do "camarada" do blog Leandro Dalla Santa, que andou por aquelas águas em busca de botos, bois e tainhas.

Nenhum comentário: