domingo, 23 de abril de 2017

MAR-CAIS

o mar escurece
a voz das gaivotas
quase branca
(Matsuó Bashô - Japão - 1644/1694 - tradução Paulo Leminski)

Nenhum comentário: