sábado, 24 de setembro de 2016

MAR DE POETA


Que nome leva o vento?

Que nome leva o vento
Que ergue dentro de mim
As ondas de um mar revolto
E com rugido de mil leões
Rasgam as águas nos rochedos ?

Que nome leva o vento
Que deitou por extenso
Na praia branca da minha alma
O corpo heróico vencido
Desse barco mutilado?

Que vento ouviu
Cantos risos e lamentos
Dos homens perdidos
Náufragos mortos dissolvidos
Na fria substancia cristalina
Do variado corpo universal?

Que nome leva o vento
Que levou para longe ,
não devolveu
O barco azul das velas brancas
Que vão delírio e louca empresa
Sonhavam antes da morte

Os homens que iam no mar?

(Marcelo Weber Macedo)

Nenhum comentário: