domingo, 13 de março de 2016

Com tanto cabeludo, com tanto pôr-do sol...

"Farol da Barra", vinil de 1978 dos Novos Baianos
( também disponível em cd), grande sucesso no rádio e num grande número de vitrolas da época. A música virou quase um hino tupiniquim da chamada contra-cultura.
.
Farol da Barra
  (Galvão e Caetano Veloso) 

  Quando o sol se põe 
Vem o farol/ 
Iluminar as águas da Bahia /
No Farol da Barra, o encontro é pouco/
  A conversa é curta, tudo é tão rápido como se furta /
  Como a luz bate nas águas/
  Como tudo que se passa / ;
Com tanto cabeludo, com tanto pôr-do-sol  /
Bem cabia uma profecia: até o ano 2000,/
O Farol além do pôr-do-sol será o pôr-do-som  /
  Onde verás uma realejo, onde verás um violão.

Nenhum comentário: